FM Dom Bosco promove Festa Anos Dourados com Renato e seus Blue Caps

Sabe aquele evento em que você vai reviver grandes momentos da Jovem Guarda, com músicas que se tornaram sucessos nos anos 60 e 70? Esse é o propósito da Festa Anos Dourados, da FM Dom Bosco, que vai trazer como atração principal Renato e seus Blue Caps. O show será sábado, dia 19 de outubro no BNB Clube, da Av. Santos Dumont. Na programação está prevista também a apresentação da banda de forró pé de serra Os Januários.

Os ingressos estão disponíveis nos seguintes pontos de venda: sede da FM Dom Bosco (Rua Joaquim Torres, 185, bairro Joaquim Távora), BNB Clube, Lojas BethSet, Farmácias Dose Certa, Sacrum (North Shopping Parangaba e Bezerra de Menezes).

 

Biografia Renato e seus Blue Caps

Renato Barros teve a ideia de criar o conjunto Renato e Seus Blue Caps e chamou os três irmãos da família Barros: Renato, Paulo Cezar e Edson (Ed Wilson) para se juntarem a ele. No final dos anos 50, influenciados pelo gosto musical da família e pelo Rock and Roll de Elvis Presley, Little Richard e Bill Halley, os rapazes começaram a imaginar que poderiam participar de programas de rádio, fazendo mímica das músicas de sucesso, algo que era bastante comum naquela época. Após uma apresentação desastrosa na rádio Mayrink Veiga, no programa “Hoje é dia de Rock”, de Jair de Taumartugo, passaram a se dedicar à música ao vivo. Passavam horas trancados, aperfeiçoando a técnica em seus instrumentos. Paulo Cezar, por exemplo, começou tocando piano com dois dedos, e posteriormente, percebeu que seu negócio era o contrabaixo. Até aí não havia sido formado um conjunto, e haviam adotado o nome de “Bacaninhas do Rock da Piedade”, numa alusão ao bairro em que foram criados no Rio de Janeiro. Logo se juntaram aos irmãos Barros os amigos Euclides (guitarrista) Gélson (baterista) e o saxofonista Roberto Simonal (irmão do cantor Wilson Simonal).

Já com o nome de Renato e Seus Blue Caps, inspirado em Gene Vincent, o grupo se apresentou no mesmo programa, tocando e cantando “Be-bop-a-lula”, e obteve o primeiro lugar da semana, e posteriormente, o prêmio de melhor do mês. Ainda em 1960, gravaram o primeiro disco de 78 rotações, pela gravadora Ciclone, em que acompanhavam o grupo vocal “Os Adolescentes”. No ano seguinte, gravaram com Tony Billy, pela mesma etiqueta. Nesse período, Gelson deixa o conjunto e Claudio entra para ser o baterista do grupo. Após uma participação no programa do Chacrinha, na TV Tupi, foram contratados pela Copacabana, onde lançaram dois 78 rotações e dois LPs: em 1962 (Twist) e 1963, sendo que o estreante Toni foi o baterista neste segundo LP.

E a partir de então, o sucesso não parou. A banda se especializa em versões das músicas dos Beatles e de outros artistas internacionais, mas desenvolve também um estilo próprio de interpretação e composição. Vale destacar que Renato e Seus Blue Caps jamais deixou de excursionar pelo país e realizar shows e apresentações. Atualmente, com mais de 50 anos de carreira ininterruptos, o conjunto poderia entrar para o Guiness Book como sendo o mais antigo do mundo em atividade. E uma prova da importância de Renato e Seus Blue Caps nesta “Era Digital”, foi o lançamento de seus discos e coletâneas em CD, mostrando que a música de Renato e Seus Blue Caps sobreviveu ao tempo, atravessou gerações, e se mantém viva, alegre e espontânea. (Fonte da biografia: internet)

 

Biografia Os Januários

De origem Nordestina filhos da Cidade de Milagres no Cariri, o resfulengo da sanfona já vem no sangue destes artistas desde cedo. Vieram a Fortaleza com o intuito de evidenciar ainda mais sua arte, remanescentes das Bandas Canção Serena, Erva doce, Mala e Cuia, Forró Kafonna.

Atualmente Os Januários apresentam em seus shows, o xote tradicional, o baião e o verdadeiro Forró pé de serra aliado a novos arranjos com uma sonoridade própria, porém sem perder a identidade do ritmo. A Banda é composta por Nilsinho Gomes na Sanfona e Vocal, Juninho Gomes no Zabumba e Vocal, este dois irmãos lideram um super equipe formada de Bateria, Baixo ,Guitarra , Triângulo e conta ainda com participação de Luviucio Gomes na Percussão, o patriarca da família.

Os Januários estão na estrada há alguns anos, no seu matulão com belíssimas apresentações em diversos locais. A autenticidade é marca presente tanto na performance quanto no repertório da banda que homenageia grandes nomes da cultura popular nordestina dentre os quais destacamos Jackson do Pandeiro, Luiz Gonzaga, Três do Nordeste ,Trio Nordestino, Dominguinhos,Flavio José, Marinês e muitos outros. (Fonte: assessoria)

 

Serviço

Festa Anos Dourados com Renato e seus Blue Caps

Dia 19 de outubro, no BNB Clube (Av. Santos Dumont)

Ingressos: Pista e Mesas

Pontos de venda: sede da FM Dom Bosco (Rua Joaquim Torres, 185, bairro Joaquim Távora), BNB Clube, Lojas BethSet, Farmácias Dose Certa, Sacrum (North Shopping Parangaba e Bezerra de Menezes).

Mais informações: 99907-2265

 

 

Atendimento a Imprensa:

Roberta Farias – jornalista

Jocasta Pimentel – jornalista

85 3231-1940