Mostra Cenas do Confinamento – Leituras Dramáticas Virtuais celebra Dia Mundial do Teatro no Porto Iracema das Artes

Por Roberta Farias   |    20 mar 2021

O Dia Mundial do Teatro é 27 de março, mas no Porto Iracema das Artes a programação especial em alusão à data começa a partir do dia 22, próxima segunda-feira, com a Mostra Cenas do Confinamento – Leituras Dramáticas Virtuais. Composta por sete leituras dramáticas virtuais, sendo seis delas em vídeo e uma em formato de experiência em áudio, o evento reúne artistas de Fortaleza e de outras partes do País e do mundo, como Belo Horizonte (MG), Bogotá (COL), Buenos Aires (ARG), Cali (COL), Campinas (SP), Cusco (PER), Madrid (ES), São Paulo (SP), Santa Catarina e Uberlândia (MG).

Todos os vídeos serão exibidos através do canal do Porto Iracema no Vimeo a partir da data de lançamento de cada obra, permanecendo disponíveis até o domingo, 28 de março. Além das leituras, acontecerão lives em diversas redes sociais da Escola. Na abertura, dia 22, a partir das 19 horas, teremos os organizadores do livro e idealizadores do projeto numa conversa sobre o que motivou a publicação e seus desdobramentos no Instagram da Escola. Na quarta-feira, dia 24, teremos um bate-papo no Instagram a partir das 19 horas com a diretora, Maria Vitória, e o elenco de “A Verdade Improvável”, que apresentam a leitura no mesmo dia.

Na sexta, dia 26, antes de “Nunca Mais Explodimos uma Bomba”, uma conversa com o diretor e membros do elenco acontece também no Instagram, às 19h. Participam o professor Joel Monteiro, com seus alunos Bruna Richelly, Cláudia Moreira, Jean Moreira e Matheus Bizerra. Já no sábado, 27, Dia Mundial do Teatro, a live de encerramento no Youtube da Escola será a partir das 21 horas. O momento vai promover um encontro entre artistas que participaram das leituras, diretores e autores dos textos dramáticos. Conduzida por Levy Mota, terá participação de André Carreira (organização), Ângela Mourão (atriz), Euler Lopes Teles (autor), Guillermo Cacace (diretor).

“Essa impossibilidade do convívio corpo a corpo é muito desafiador para os artistas do teatro. O teatro está intimamente ligado à noção do convívio, da ideia de estar compartilhando com outras pessoas um momento ao vivo. Portanto esse vai ser sempre um momento único, que não dá para voltar e ver o que você perdeu. O teatro perde muito com isso, mas por outro lado nós temos visto uma profusão gigante de tentativas de buscar uma teatralidade virtual”, afirma Levy Mota sobre o momento atual que o teatro tem vivido.

O projeto é um desdobramento do livro “Cenas do Confinamento/Escenas del Confinamiento”, organizado por André Carreira, Narciso Telles e a cearense Vanéssia Gomes, lançado em outubro do ano passado. A obra convida o leitor a mergulhar em textos teatrais que revelam momentos e memórias de intimidade deste tempo de confinamento, demarcam uma posição crítica ao contexto político atual ou nos lançam na incerteza dos dias vindouros. Dessa forma, como classifica a sinopse do livro, é um documento de nossa experiência no momento de pandemia.

Por Rebeca Quirino

*Imagem de capa: Assessoria de Imprensa

0 0 vote
Avaliação do artigo
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments